Viajar não é a solução para os seus problemas!

Tempo de leitura: 4 minutos

Primeiramente quero que saiba que decidi falar sobre isso por dois motivos:

Primeiro porque eu achei muito pertinente a colocação Cadu Cassau do Se joga, Cara!, neste vídeo aqui que recomendo muito que você assista.

Segundo porque notei que uma porcentagem muito grande das pessoas que atendo arrisco a dizer que mais de 90% tem o sonho de viajar. E não tem nada de errado com isso, mas eu já pude notar que em alguns casos o benefício por trás da viagem é mais para fuga do que pelo prazer.

Viajar nos proporciona experiências incríveis.

Quando viajamos nós de certa forma nos afastamos da nossa "vida real", nos afastamos dos nossos problemas e das preocupações. Mas é ai que está a chave do problema, infelizmente viajar, ficar uns dias ou meses fora não irá resolver seus problemas.

Não é viajando que você irá se realizar e ser feliz.

O segredo para se sentir feliz e realizado não está nas viagens que você faz, já sabemos que a felicidade é um estado de espírito que você pode e deve ter independente de onde esteja.

Quero deixar bem claro que não estou dizendo aqui que viajar não é bom... É sim, e muito!

Eu mesma estou planejando para construir um estilo de vida onde eu possa trabalhar de qualquer lugar do mundo, porque eu sonho em viver essa experiência e em ter este estilo de vida, conhecer novas culturas e lugares. Mas isso é o que eu quero e não necessariamente essa seja a vida que você quer pra você e não porque estou querendo fugir do meu trabalho, da minha casa, da minha família, da minha cidade, do meu país, dos meus problemas ou pior de mim mesma... não!

E é essa reflexão que eu estou propondo a você com esse artigo, eu quero que você reflita qual o real motivo de você querer viajar.

Muitas pessoas andam criando a crença de que não tem uma vida significativa porque não pode viajar.

A vida significativa e ideal não é a da pessoa que vive viajando. A vida ideal é aquela que você quer ter!

Já parou pra pensar como seria se só pudéssemos ser felizes quando estivéssemos viajando?

Pergunte para você mesmo o que realmente eu quero? Por que você quer tanto por o pé na estrada e se jogar no mundo?

  • Pelas experiências ou pelos likes que irá receber?
  • Para aprender um novo idioma ou para mostrar o quanto você é feliz e tem uma vida perfeita?
  • Para conhecer novas culturas ou para fugir da sua realidade e dos seus problemas?

É muito importante se fazer essas perguntas e principalmente ouvir seu interior e procurar ser sincero consigo mesmo. Respondendo essas perguntas com sinceridade você pode tirar muitas respostas sobre si mesmo.

A questão dos likes é algo muito interessante, eu infelizmente não poderei honrar a fonte mas eu li uma pesquisa em que dizia que as redes sociais ativam a mesma parte do cérebro como as drogas. Quando checamos nossas redes nosso cérebro libera dopamina e isso faz com que nos sintamos bem e mais ainda quando há uma curtida ou comentário isso libera uma fonte de prazer muito grande em nós.

E porque estou falando isso, porque quando viajamos e compartilhamos esses momentos a tendência é que recebamos mais likes do que o normal e isso gera uma gratificação instantânea para nós.

Outra coisa também é expôr como estamos "felizes e realizados" em nossa vida perfeita, isso gera uma questão de aceitação social, de querer mostrar o quanto você está bem!

As redes sociais tem uma grande parcela de culpa nisso tudo, pois quando entramos em nossas redes somos bombardeados de "momentos perfeitos e felizes", e quando você começa a olhar seus amigos em "situações melhores" que você, você começa a se frustrar.

Mas nós nos esquecemos que temos muitos amigos em nossas redes e que o que é postado é apenas uma pequenina parte da realidade dele. Você mesmo sabe que o que você posta nas suas redes é apenas o supra sumo da sua vida. Comece a olhar para os seus amigos da mesma forma, que assim você evitará muito dor pela comparação.

Se você fica contando os dias pra chegada das suas férias e fica depressivo quando elas estão acabando tem algo de errado aí.

Lembre-se que se você não resolver o que faz você querer fugir da sua vida e da realidade que criou para você, mesmo que você vá para o outro lado do mundo elas iram com você o estarão te esperando exatamente no mesmo lugar que você deixou.

Então trabalhe seu interior e procure construir uma vida que você possa se sentir, pleno, feliz e realizado onde quer que você esteja. E eu posso te ajudar com isso!

A solução para o vazio que você sente não está em outra cidade, estado ou país, a solução está dentro de você!

Se gostou do artigo compartilha em suas redes sociais e deixa seu comentário que eu vou adorar saber a sua opinião a respeito disso.